18 de jul de 2010

Lição 03 - Eu sou pecador ** Conteúdo adicional para as aulas de Juniores

Eu sou pecador
Texto Bíblico: Gênesis 3.1-24

CRESCENDO NA GRAÇA E NO CONHECIMENTO
“Os pecados cometidos estão refletidos nas punições, as quais foram aplicadas em partes. A serpente (14) foi amaldiçoada. Mais que é tradução incorreta, pois sugere que outros animais também foram amaldiçoados. O sentido correto é “à parte” ou “separado de entre”. [...] O castigo envolveria inimizade (15), hostilidade entre pessoas. A semente da serpente, que Jesus relaciona aos ímpios (Mt 13.38.39; Jo 8.44), e a semente da mulher, têm ambas sentido fortemente pessoal. Deus disse à serpente: A Semente da mulher te ferirá a cabeça. Compare a referência de Paulo a isto em Romanos 16.20. A serpente só poderia ferir o calcanhar da Semente da mulher. De fato, ferir não é forte o bastante para traduzir o termo hebraico que pode significar moer, esmagar, destruir. Uma cabeça esmagada que leva à morte é contrastada com um calcanhar esmagado que pode ser curado. O versículo 15 é chamado “proto-evangelho”, pois contém uma promessa de esperança para o casal pecador. O mal não tem o destino de ser vitorioso para sempre; Deus tinha em mente um Vencedor para a raça humana. Há um forte caráter messiânico neste versículo. Em 3.14,15, vemos “O Calcanhar Ferido”. 1) O Salvador prometido era a Semente da mulher — o Deus-Homem; 2) Esta Semente Santa feriria a cabeça da serpente — conquistar o pecado; 3) A serpente ferira o calcanhar do Salvador — na cruz, ele morreu (G.B. Williamson). O castigo da mulher seria o oposto do “prazer” que ela procurou no versículo 6. Ela conheceria a dor (16) no parto, que é bem diferente do novo tipo de vida que ela tentou alcançar pela desobediência. Igualmente, a futura ligação do seu desejo ao seu marido era repreensão à sua decisão de buscar independência. Ela sempre seria dependente dele. Deus pôs uma maldição diretamente na terra em vez de colocá-la no homem. Adão foi comissionado a trabalhar com a terra (2.15), mas já não seria por puro prazer. O homem se submeteu tão facilmente ao apelo da mulher que ele comeu o fruto proibido. Agora seu trabalho na terra seria misturado com dor (17). De todos os lados, ele seria confrontado por competidores: espinhos e cardos (18), que crescem profusamente sem cultivo e não produzem comida para o homem. Em Oséias 10.8, estas plantas aparecem como símbolos de julgamento e desolação no lugar da adoração. [...] A morte física não seria imediata, mas seria inevitável, porquanto és pó e em pó te tornarás (19). O tipo imediato de morte que o homem sofreu foi espiritual: separação de Deus.” Comentário Bíblico Beacon, CPAD, p.41-42

ATIVIDADES
Leve jornais e revistas para a sala de aula. Divida a turma em alguns grupos e distribua o material necessário para que os alunos possam produzir cartazes com figuras que representem as consequências do pecado para a humanidade. Quando terminarem, peça que cada grupo explique a razão de suas escolhas. Por fim, reafirme mais uma vez Romanos 5.12.

Nenhum comentário:

Postar um comentário